Quando eu tiver 30

Pois bem, o que você sente ao ouvir da sua mãe que ela aproveitava a vida quando era nova, que fazia de tudo, se divertia de monte, bebia nas festas.E o que você sente ao lembrar do seu irmão na sua idade?Voltava das festas de 15 no porre.Eu sinto inveja.Hoje eu comentei com a mãe que com vinte anos eu vou fazer o que eu quiser, e ela me respondeu bem confiante: claro que não.Mas não é de chorar?Ficar pensando que estão me criando pra ser aquela santa chata da família, que nunca bebeu, e nem se divertiu.Dá vontade de gritar pra ela que eu faço o que eu quiser, quando eu quiser bem escondido e ela nunca vai saber :D Mas claro, falar com pais tem que ter todo aquele jogo psicológico da confiancia.Mas o que mais me deixa triste, é que minha mãe não confia em mim.Na verdade ela diz que sim, que se não confiasse não me deixaria sair.Mas credo!Se confiasse mesmo deixaria eu sair sem ficar me falando dez milhões de vezes que NÃO é pra eu beber, blábláblá.Se confiasse mesmo, deixaria eu beber, porque não, eu não vou beber até cair.É, eu cheguei a conclusão de que não confia em mim mesmo, e de que eu vou ser a santa chata da família.Sabe, quando eu tiver uns 20 anos e ler isso, vou dar muita risada, ‘vê se pode, querer beber nessa idade’.Mas quando eu tiver 30 (nossa >.<) vou esfregar na cara da minha mãe todos os meus podres.TODOS.TODOS.E dane-se o que ela pensar, eu vou ter trinta anos mesmo.RUN.

Anúncios

Tags: , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: