Sobre passeios, sobre o antes e sobre o agora

  Utimamente eu só tenho escrito sobre coisas abstratas, e como eu me sinto em relação a isso e aquilo, e isso está me irritando. Estava lembrando do tempo da Mari, do Popnoid. Eu escrevia sobre tanta besteira e era tão divertido. Aliás, está me irritando mais ainda eu ver as coisas perdendo a graça. Nada, absolutamente nada do que fazemos hoje em dia, em família ou seja o que for, fazemos com o entusiasmo de antigamente. Hoje por exemplo, estamos na casa dos meus avós, em São Paulo. Saímos como de costume e fomos ao shopping. Eu e meu pai ficamos que nem ratos, umas boas horas na Saraiva, e acabos comprando cada um, um livro. Eu e minha irmã comemos no Bob’s, compramos uns trequinhos de cabelo, umas roupas em promoção na Renner HAUHAUH’ e só. Todo mundo com cara de enterro. O shopping fecha mais cedo nos domingos, então viemos embora.
  Sabe como era antes? Passávamos um tempão nos arrumando, todos, Rafa, Júnior, até o vô e a vó iam junto. Era como se fosse um programão em família, sei lá. E não seria um passeio feliz se não tivesse uma ida ao cinema, assim eu assisti a todos os filmes da série do Harry Potter.
Era tão incrível avistar uma loja colorida de brinquedos, correr e olhar pra todas aquelas Barbies caras e torcer pra que umas delas estivesse no meu embrulho de Natal. Ficar fascinada com a quantidade de livros e tranqueiras da Saraiva. Todos tínhamos direito a presentes, lanche no Mc Donald’s e sorvete. Hoje ainda podemos fazer isso, mas de um jeito tão… como se estivéssemos cansados. O que nos interessa hoje é comprar roupas e comer pratos de comida e não lanche. E isso, caro amigo, isso é um grande sinal de que você está se tornando um adulto chato. Não digo um adulto, porque graças a Deus, estou longe de me tornar uma, mas digo um ser mais velho e chato, com pensamentos e atitudes chatas e rotineiras. Odeio sentir e admitir que tudo era tão bonito e divertido porque…eu era uma criança. É, essa é a melhor explicação.  
  Se alguém quiser me tirar dessa fase nostálgica em que se encontra a minha vida, cheia de saudade e lamentações, eu pago uma casquinha da Nestlé do shopping, e puta que pariu, deve ser uma casquinha de ouro pra custar 7, 8 pila! HAUAHUAH O garçom até riu da minha cara de espanto e do meu queixo caído. Fiquei sem sobremesa hoje. Mimimi.
  Acho que vou iniciar outro texto, este já está grande e dá preguiça até pra eu ler! HUAHUAH Beijos e queijos ;*

Anúncios

Tags: , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: