Talvez sempre

  Acredito que mesmo nas piores coisas podemos encontrar algo de bom, ou que talvez nem seja tão bom assim, mas que seja único. Dentre todas as coisas ruins de ser filho de militar, eu aprendi a não só falar das partes boas, mas senti-las também. Acho que o que mais me deixa indignada é o fato de eu não ter escolhido essa vida, é ver a minha tomando rumos a partir de decisões de pessoas que eu nem conheço, pessoas que nem me conhecem. Eu nunca vou me conformar com isso, mas a cena que eu vi ontem me mostrou que o fato de ter um estilo de vida diferente não quer dizer pior.
  Ver todo mundo se abraçando, dizendo aonde vai morar, uns conformados, outros desesperados, mas todo mundo junto. Ninguém além de nós tem a oportunidade de um momento assim. São poucos os que podem errar e começar do zero em um lugar novo. Poucos os que aprendem a acertar e lidar com a perda das coisas boas que construiu. Poucos os que aprendem a levar dentro de si os momentos bons, e principalmente a vive-los de verdade. São poucos principalmente aqueles que aprendem a amar independente do tempo, mas sim da profundidade com que tudo acontece.

Talvez um voltasse, talvez o outro fosse. Talvez um viajasse, talvez outro fugisse. Talvez trocassem cartas, telefonemas noturnos, dominicais, cristais e contas por sedex (…) talvez ficassem curados, ao mesmo tempo ou não. Talvez algum partisse, outro ficasse. Talvez um perdesse peso, o outro ficasse cego. Talvez não se vissem nunca mais, com olhos daqui pelo menos, talvez enlouquecessem de amor e mudassem um para a cidade do outro, ou viajassem junto para Paris (…) talvez um se matasse, o outro negativasse. Seqüestrados por um OVNI, mortos por bala perdida, quem sabe. Talvez tudo, talvez nada.

Caio Fernando de Abreu

 

Anúncios

Uma resposta to “Talvez sempre”

  1. Fernanda Says:

    É verdade, só a gente tem a oportunidade de começar do zero, saber lidar com a saudade e viver os momentos com intensidade. Adoreei esse teu post :D

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: