Sobre vestibular, zumbis e filmes

  Estou aqui no meu quarto, sentada no sofá de biquíni e morgando no meu último sábadoférias dos próximos meses. De biquíni porque eu tinha decidido ir no clube tomar banho de piscina, mas me olhei no espelho e desisti. Conservai a feiura para si mesma, amém.
  Hoje passei a manhã no colégio assistindo a ‘aula inaugural do terceiro ano’, leia-se chá de cadeira motivacional. Só modo de dizer, porque na verdade me passou uma boa imagem do colégio daqui. Deram vários conselhos sobre o vestibular e pareceram preocupados conosco. Espero estar certa. E errada sobre o leve pressentimento de que aqui é mais puxado do que no Rio (estou quase certa disso). Na verdade eu queria estar certa sobre muitas coisas. Como o apocalipse zumbi que vai acontecer antes de eu prestar vestibular. Pensem só que lindo seria se isso acontecesse? Eu ia explodir um monte de cabeças ao invés de calcular coisas inúteis, mas tudo bem. Minha vibe zumbi cresceu depois de assistir The Walking Dead. Apesar disso já estou até aceitando o fato de que só vou participar de um zombie walk quando for uma velha caquética e horrorosa. 
  Como a única coisa que eu fiz nessas férias foi assistir séries e filmes, nada mais justo do que eu escrever um pouco sobre o que eu achei deles (não é resenha, porque resenha é para fracos quem sabe fazer) .

Final de Lost ♥♥♥

Podem gritar aleluia por eu ter conseguido terminar de assistir. Meu brilhante comentário sobre o final da série: where the hell is the fucking answers? Eu devo ser meio burra para não ter conseguido chegar a uma conclusão sozinha então tive que procurar na internet. Mesmo assim, se alguém quiser me explicar o porque do urso polar e dos números, eu agradeceria. Acho só que as primeiras temporadas foram brilhantes e que no final as coisas meio que se perderam. Resumindo, triste fim para a minha série favorita. E se alguém souber onde o Richard foi parar, ficarei feliz de saber também.

O Fabuloso Destino de Amelie Poulain ♥♥♥♥

Amelie Poulain 
Talvez seja pelo fato de Eterno Amor (traduções de título toscas) ser um dos meus filmes favoritos e ter como personagem principal Audrey Tautou, a mesma que interpreta Amelie. Ou pelo fato de eu ter amado a fotografia. Ou mais ainda por adorar filmes conduzidos por narrativas. Não sei, mas gostei bastante e não me arrependo nem um pouco de ter comprado o dvd. (:

A Mulher Invisível ♥♥♥♥

Eu perdi o comecinho mas deu pra entender tudo. Gostei bastante e ri muito, principalmente da interpretação do Selton Mello e da Fernanda Torres. E acho que hoje em dia nem se trata mais de ponto positivo falar que o filme, mesmo sendo brasileiro, não fala de drogas ou questões polêmicas. Eu que tinha um certo preconceito com filme nacional e os achava chatos demais, tenho gostado de todos os últimos que assisti. É que o cinema brasileiro (inegavelmente) ficou mal visto pelo simples fato de que não podíamos escolher um filme sequer que não retratasse uma realidade difícil e violência. Coisas das quais quase sempre que sentamos para ver um filme, queremos distância. Não é fechar os olhos para os acontecimentos, é apenas lógica. Americano ganha dinheiro porque faz comédia romântica idiota que depois de alguns anos vai estar passando na tv brasileira.

The Walking Dead ♥♥♥♥♥

– TEM ZUMBIS *-*.
– Deveria ter mais episódios por temporada.
rere
– ZUMBIS *-* Sem mais.

Agora vou comer porque é o que eu faço de melhor.

E ah, quero trazer logo o Frajola pra casa ‘-‘

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: