Diálogo com a consciência*

   No fim não adianta você  passar reto, passar rindo, ‘uau, segui em frente’, sendo que teu coração tá ali gritando. Deixa de ser idiota, história nenhuma é perfeita, não, não se pode gostar por dois…mas ele fez tu gostar dele, porque tu não pode fazer o mesmo? É, eu sei, tem outros garotos, sim, que têm muitos gostos em comum, mas porque teu coração não bate mais rápido? Sabes porque. Não tá sentindo aquele medo? Eu sei que tá. De que no futuro tu vai olhar pra traz e se perguntar ‘porque eu não fiz nada se eu gostava tanto?’. Vai, dá o braço a torcer. Tua dignidade nem existe mais, não tem nada a perder. O máximo que irá ganhar é um aumento na porcentagem dos olhares de pena flagrados sobre ti. Nada que tu não saiba lidar. Você que perde tanto, já deveria estar craque.

Eu queria tanto ser madura pra lidar com isso. Queria que você fosse também. Queria que você lesse isso e parasse pra pensar, que não fosse correndo debochar com algum amigo. Escrever isso já não é maduro. Aliás, quem é? Eu deixo de ser…

*escrito em setembro de 2011.

Tô postando coisas aleatórias salvas aqui só pra atualizar, gente (:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: